Primeiro o dever, depois o lazer?! Porque não os dois.

Postado em 21-11-2013 - Autor: Adriana Kalbusch Sabatovski - Categoria: Administração - Comentarios

Autor

"Fazer o que você gosta é liberdade. Gostar do que você faz é felicidade." Essa frase de Frank Tyger relata bem a realidade da grande maioria das pessoas, onde desde de muito cedo devem escolher se querem ganhar dinheiro ou fazer o que gosta. Realmente é uma das mais frequentes indagações quando o assunto é a profissão. Afinal é tão difícil assim conseguir conciliar as duas coisas?

Não é necessário escolher uma delas, transforme o seu trabalho em hobby, divirta-se e aproveite seu dom. É mais fácil do que parece, veja como algumas dicas simples consegue transformar sua paixão em uma poderosa ou principal fonte de renda:

Independente se você já tem uma profissão ou vai iniciar uma, é imprescindível a realização de um bom planejamento. Comece pelo autoconhecimento, passando pela análise do mercado, depois pela aplicação e ajustes necessários.

Faça algumas perguntas a si mesmo, e vai anotando tudo, formalizando seu plano de carreira profissional:

-Quais são as atividades preferidas?

-Quais valores são importante pessoal e profissionalmente?

-Tem algum propósito de vida?

-Quais pontos fortes e fracos?

-Quando pensa em profissão, o que vem à mente?

-Quais área são de interesse?

-Quais as cacterísticas que mais lhe atraem nessas áreas?

-Qual nível de remuneração para essas atividades?

-Há uma ligação entre essa atividade e seu propósito de vida?

-Você se sentiria bem, realizado?

-Você se vê fazendo outra coisa?

Após a realização da autoanálise, peça a pessoas de sua confiança e que lhe conheçam bem para responder as mesmas perguntas sobre você, para comparar as respostas e conseguir uma maior compreensão, deixando o planejamento mais dinâmico e realista.

Depois de feito todo esse processo, é hora de colocar em prática:

-Contatos são importantes na hora de indicar um curso ou até mesmo uma vaga.

-Estude, faça cursos, se especialize na área, aprimore suas habilidades.

-Verifique tudo que é necessário para iniciar seu plano de ação. Anote tudo.

-Veja os prós e os contra. Não esqueça de ter um bom plano de emergência, e que pode atrapalhar nessa jornada profissional.

Durante a realização de um plano de ação você precisa ter paciência, análise detalhada e muito revisão. Verifique sempre se seu planejamento está como o programado e se há algo que precisa ser alterado.

Todo início ou mudança de carreira é cercada de dúvidas, incertezas e barreiras psicológicas e materiais, mas fique firme, no final tudo valerá a pena, afinal como dizia Herbert Casson “todo vencedor tem cicatrizes”.

Autor

Adriana Kalbusch Sabatovski
Autor

Bacharel em administração. Administradora da empresa LEGJUR. É uma apaixonada por Administração que busca disseminar todo conhecimento possível através de posts de alta qualidade na internet. É editora deste site.

Leia Também

Logo bottom

@ Copyright 2021 - Todos os Direitos reservados - Administre Fácil Assessoria Online - CNPJ: 17.504.359/0001-07 - www.administrefacil.com.br Forma pagamento